top of page
  • nathaliapaganin8

Por Que Acabar com a Coleta Manual dos Dados de Telemetria?

A telemetria é uma ferramenta essencial no monitoramento da saúde dos pacientes, especialmente em ambientes críticos como UTIs e centros cirúrgicos. No entanto, a coleta manual desses dados pode ser um processo demorado, propenso a erros e ineficiente. Vamos explorar por que é hora de abandonar a coleta manual e abraçar métodos automatizados, não apenas para a eficiência do hospital, mas também para apoiar o bem-estar dos nossos enfermeiros.


A Realidade da Coleta Manual

A coleta manual de dados de telemetria envolve profissionais de saúde, muitas vezes enfermeiros, registrando informações vitais em intervalos regulares. Este método tem várias desvantagens.


Propensão a Erros

O fator humano, especialmente sob estresse e cansaço, pode levar a erros de registro, que podem ter consequências graves para o paciente. Com as escalas de trabalho adotadas pela maioria dos hospitais brasileiros, muitos enfermeiros e técnicos de enfermagem passam por longas e exaustivas jornadas de trabalho, e devem manter atenção a muitos pacientes simultaneamente, o que favorece a probabilidade de anotações incorretas.

Consumo de Tempo
Atrasos na Resposta
Validade dos Dados

Empatia e Eficiência Juntas na Automação da Coleta de Dados

A automação da coleta de dados de telemetria trás benefícios para todos os envolvidos. Aumenta a eficiência hospitalar, reduz a carga sobre os enfermeiros, aprimora processos, e melhora a segurança do paciente. Conheça as principais vantagens:


  1. A automação da coleta de dados libera os enfermeiros da sobrecarga de tarefas administrativas, permitindo que dediquem mais tempo ao que realmente importa: o cuidado e o conforto dos pacientes.

  2. Permite a detecção e resposta imediatas a alterações críticas na condição do paciente, algo essencial para a equipe de enfermagem que está sempre pronta para agir.

  3. Reduz significativamente a possibilidade de erros, garantindo que os dados sejam confiáveis e que os enfermeiros possam confiar nas informações para tomar decisões de cuidado.

  4. Garante o menor tempo de resposta em casos de emergência uma vez que os dados são coletados e transmitidos em tempo real, para todos os profissionais.

  5. Possibilita o monitoramento remoto. Os dados captados à beira leito, por serem armazenados em nuvem, podem ser transmitidos para qualquer lugar, possibilitando atendimento de qualidade até mesmo em áreas remotas.


Implemente a Coleta Automatizada

A transição para a coleta automatizada de dados de telemetria inicia a partir de uma infraestrutura preparada para a digitalização. É importante contar com uma equipe de TI e claro, com uma rede de internet suficientemente preparadas para suportar a coleta de dados. Em seguida é necessário realizar a integração de dispositivos a sistemas que registram automaticamente os dados, reduzindo a carga sobre os enfermeiros.

Por fim é importante treinar a equipe e adaptar a cultura para hábitos conectados e digitalizados, gerando confiança na tecnologia e fortalecendo a equipa com ferramentas que facilitam o trabalho.


 

A coleta manual de dados de telemetria é um método antiquado que não atende mais às necessidades de um ambiente hospitalar moderno e eficiente, nem ao bem-estar dos enfermeiros. A automatização não só melhora a precisão e a eficiência, mas também apoia os enfermeiros, permitindo que eles se concentrem no que fazem de melhor: cuidar dos pacientes. É hora de avançar e adotar soluções tecnológicas que garantam a melhor assistência possível aos pacientes e o melhor ambiente de trabalho para os enfermeiros.
7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Panorama da Digitalização Hospitalar

INTEROPERABILIDADE É O CAMINHO PARA A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL Em um mundo onde a tecnologia redefine a saúde, o Brasil se depara com o desafio da digitalização hospitalar. A Estratégia de Saúde Digital

Seria o Fim da Centrais?

Fragmentação de centrais cria silos hospitalares e torna o investimento em tecnologia insustentável. A evolução tecnológica no setor de saúde traz consigo também uma bandeira vermelha sobre o fim da l

Comments


bottom of page